Últimas Notícias
recent

Hookerz, um puta bar

por: Fred Fagundes (Blog Botecagem)

Um argumento válido antes de qualquer conclusão sobre uma experiência é o da afinidade. Entre todas as etapas necessárias para avaliação de local, a sensação de sentir-se bem sobressai boa parte dos itens revisados. É aquele velho e incansável entusiasmo de beber a primeira cerveja ao lado de bons amigos ouvindo sua música predileta e perceber que: a noite apenas começou.

Tudo perfeito, desde que o cenário contribua. Cuiabá (MT), já há alguns meses, ganhou um palco à altura desse tipo de prazer.



O formato uncoventional bar propõe e cumpre com firmeza o contrassenso do modernismo – dito clichê – das opções que não cansam de surgir, vivenciar determinado período de sucesso e morrer devido a falta de identidade. Essa vantagem sobressai o Hookerz ao gerar no cliente a mais pura percepção de preferência logo na primeira noite, fazendo com que o estabelecimento tenha como maior cartão de visitas uma visível capacidade de vir a se tornar o seu mais novo bar favorito.

Acostumada com uma noite bastante eclética e cheia de opções – mesmo que comuns, nada mais que isso –, Cuiabá sofria com a falta de uma casa destinada a quem procurava algo além de cerveja e boa música. Surgiu assim o Hookerz. Um pub que soube, inteligentemente, respeitar a cultura local de consumo e adaptar a sua estratégia de negócio ao público, não vice-versa. O formato não visa representar com fidelidade os tradicionais bares europeus, mas possui a essência necessária para gerar uma atmosfera até então desconhecida na cidade.

Aliado a toda essa marca forte, o Hookerz tem no seu público um grande aliado de manutenção e consumo. Pois, além de ser uma clientela carente de opções semelhantes, une um novo tipo de frequentadores: os degustadores de boa cerveja; os jovens que gostam de boa música e os que estão praticando o êxodo da Praça Popular – centro dos bares mais procurados de Cuiabá. Exemplo: Cidade Baixa em Porto Alegre (RS) ou Vila Madalena em São Paulo (SP).

video





Com chopp Heineken e ainda sem grandes concorrentes a altura na cidade (pelo menos no formato de pub), a variedade de cervejas não deixa a desejar. Contudo, alguns drinks passam despercebidos. É o caso do consagrado Adios Mother Fucker: vodka, gin, rum, curaçau blue e suco de limão.

A comida é outro dos pontos altos do bar. A boa e velha porção de Mini Burguer não tem erro: oito unidades com batata frita e molho barbecue num preço justíssimo: R$23,90.

Confira o Harlem Shake realizado no Hookerz:

video


A decoração, destacada de maneira íntima durante os elogios ao ambiente, é incrivelmente chamativa. As paredes foram rabiscadas pelo artista Jhon Douglas pouco depois da inauguração. Tudo para dar ênfase ao que mais importa numa noite no Hookerz: cerveja e grandes momentos. Fotos históricas e de pessoas incríveis bebendo são encontradas em todas as paredes. O ar rústico fica ainda mais destacado quando você esbarra com um fliperama do The King Of Fighters no caminho ao banheiro.

E qualquer mijada pode esperar uma partidinha de The King Of Fighters.



O que torna o Hookerz hoje é a melhor opção de bar pra quem chega em Cuiabá (MT)? O notório fato de ser um local que você não vai apenas para beber. Mas sim, para chegar cedo e curtir aqueles segundos de “ainda tenho a noite toda pela frente”.

Atitude de um bar que nasce com personalidade própria e vai transformando seu conceito em referência local – e qualquer um sabe disso, por menos que admita.

FONTE: Botecagem

Hookerz
Endereço: av. Senador Filinto Muller, 1398. Cuiabá, Mato Grosso.




João Alves

João Alves

Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.